O champanhe é cercado por séculos de histórias glamurosas, sempre regou as festas mais sofisticadas dos filmes e dos bem-nascidos na vida real, mas atualmente não é exatamente a bebida mais luxuosa do mercado. As fabricantes de outros tipos de bebidas se empenharam em tornar seus produtos cada vez mais atraentes e, hoje, conseguem levar às prateleiras preciosidades, tanto no que diz respeito ao processo de fabricação quanto ao envase. Há garrafas que chegam a custar até US$ 3,5 milhões! Conheça as cinco mais caras à venda! 

Armand De Brignac Midas – US$ 16,2 mil 

Armand De Brignan Midas

Comprada por Jay-Z em 2014, a Armand de Brignac passou a ser a queridinha do mundo do rap, substituindo a Cristal nos videoclipes. Atletas também foram seduzidos pela marca, como o velocista jamaicano Usain Bolt.

Macallan Decanter “M” - US$ 628,2 mil

Macallan Decanter 'M'

A marca escocesa Macallan conseguiu superar a Dalmore e seu Trinitas 64 produzindo a garrafa de uísque mais cara do mundo. O Macallan Decanter “M”, com 6 litros, foi vendido por US$ 628, 205 mil num leilão em 2014.

Diva Vodka – US$ 1 milhão

Diva Vodka Premium

Dizem que seu processo de destilação tripla justifica o preço elevado. A Diva Vodka passa por um processo de filtragem em gelo, carvão vegetal de madeira nórdica, e finalmente, é submetido a uma filtragem em areia fina de diamantes e pedras preciosas. O envasamento é realizado de forma artesanal e o preço pode chegar a US$ 1 milhão por conta da customização da garrafa, que pode levar pedras semi-precisosas, preciosas e até diamantes.  

Henri IV Dudognon Heritage Cognac Grande Champagne – US$2 milhões

Henri IV Dudognon Heritage Cognac Grande Champagne

Uma das razões para bater os US$ 2 milhões é o processo de envelhecimento de um século. Mas não é só isso. A garrafa é uma joia em si: é banhada em ouro de 24 quilates e platina esterlina, além de levar 6,5 mil diamantes.  

Tequila Ley .925 – US$3,5 milhões

A tequila é feita com a seiva pura do agave-azul e fermentada por seis anos. Ela é envasada num recipiente que mistura ouro branco e platina, é cravejado de diamantes seu formato lembra uma concha. Uma edição da tequila foi vendida pelo triplo do preço em 2006, estabelecendo um recorde.